21.6 C
Itapema
segunda-feira, abril 22, 2024
mais
    InícioCidadesItajaíItajaí ganha grande centro logístico para abrigar entreposto da Zona Franca de...

    Itajaí ganha grande centro logístico para abrigar entreposto da Zona Franca de Manaus

    Em:

    Em Destaque

    Pelo Estado 19/04: Arteris Litoral Sul pode perder a concessão em SC

    O Ministro dos Transportes, Renan Filho, esteve nesta quinta-feira,...

    Pelo Estado 18/04: E a saúde em Santa Catarina, como vai?

    Após um convite dos parlamentares catarinenses, a secretária de...

    O Município de Itajaí vai ganhar, em breve, um grande centro logístico para abrigar um entreposto da Zona Franca de Manaus. O complexo, com 80 mil metros quadrados de área operacional, está sendo construído no bairro Brilhante. O primeiro módulo fica pronto e começa a operar em outubro deste ano.

    O projeto é do grupo mineiro BRL Properties, que iniciou tratativas com a Secretaria de Desenvolvimento Econômico de Itajaí no ano passado para a construção. O investimento total no empreendimento deve chegar a R$ 200 milhões. A empresa ZF-Log é quem detém a licença para operar o entreposto da Zona Franca fora de Manaus. São somente cinco no Brasil e o de Itajaí é o único no Sul do país.

    O entreposto funciona basicamente como um braço da Zona Franca de Manaus. Nele as mercadorias podem ser movimentadas, fracionadas e reexpedidas para todo o Brasil com a mesma isenção tributária que é aplicada no Amazonas. O entreposto itajaiense deve receber logo de início cargas de grandes empresas como Philco, Samsung, Positivo, Intelbras e TLC.

    A conclusão total do projeto está prevista para ocorrer em 2025. Com isso, a expectativa é de que sejam gerados 600 empregos diretos. O entreposto da ZF em Itajaí já existe em uma área muito menor, o que limita a quantidade de cargas movimentadas.

    As cargas recebidas em um entreposto da Zona Franca podem permanecer por até 270 dias com a isenção de encargos. O início das operações no complexo logístico do Brilhante deve aumentar consideravelmente a movimentação de mercadorias em Itajaí. Essa facilidade logística da região, aliás, foi determinante para a instalação do empreendimento na cidade.

    A proximidade com outras cidades da região e a facilidade de escoamento pela BR-101 e por meio da cabotagem (entre portos) foram os fatores que chamaram a atenção dos investidores. Além, claro, da disponibilidade de uma área tão grande próxima de tudo isso. 

    Cidades