18.2 C
Itapema
segunda-feira, maio 27, 2024
mais
    InícioSanta CatarinaEstado anuncia mais 122 leitos para ampliação do atendimento infantil em Santa...

    Estado anuncia mais 122 leitos para ampliação do atendimento infantil em Santa Catarina

    Em:

    Em Destaque

    Pelo Estado 24/05: Portos catarinenses em transição

    Na última semana, publicamos aqui na Coluna que a...

    Pelo Estado 23/05: Impasse sobre barragem chega à ministra Guajajara

    A ministra dos Povos Indígenas, Sônia Guajajara, e o...

    Mais ações para ampliar o atendimento pediátrico no estado foram anunciadas nesta sexta-feira, 15. Entre elas, a suspensão de férias e licenças de equipes – medida válida para o Hospital Infantil Joana de Gusmão, em Florianópolis – e a ampliação de 122 leitos de UTI e retaguarda para o atendimento infantil. As medidas foram detalhadas pelo secretário de Estado da Saúde, Aldo Baptista, juntamente com o pneumologista Marcio Judice, em coletiva de imprensa.

    Além das estratégias firmadas na decretação de emergência publicada em junho, estão sendo realizadas ações direcionadas a Grande Florianópolis e Criciúma. Atualmente os municípios da região estão desenvolvendo seus planos de trabalho para que o Estado possa aportar ainda mais recursos financeiros.

    O secretário apontou que desde 3 de junho, quando houve a decretação da situação de emergência, estão sendo feitos repasses a municípios e unidades hospitalares para que se amplie os horários de atendimento das unidades da atenção básica e que fortaleçam também as estratégias de vacinação, que devem incluir a busca ativa principalmente de crianças, adolescentes, gestantes, puérperas e portadores de comorbidades. “Estamos vivenciando um momento crucial na saúde, nós como equipe da Secretaria de Estado da Saúde, como Governo, apelamos para que os pais e responsáveis levem os seus filhos para vacinação”, reforça.

    O pneumologista Marcio Judice acrescentou que esse aumento nos casos respiratórios está diretamente associado à baixa cobertura vacinal. “Não conseguimos, até o momento, chegar à meta de vacinação em nenhuma das vacinas do nosso calendário. Nossas crianças estão ficando desprotegidas”, alerta.

    O movimento com as unidades hospitalares iniciado em maio e pactuado por portarias publicadas em junho permitiu que até o momento fossem abertos 65 leitos de atendimento infantil em Santa Catarina. São 52 UTIs e 13 de cuidados intermediários, em diferentes regiões do estado, permitindo uma ampliação da rede de atendimento em todo o território.

    Nesta sexta-feira, foram instaladas no Infantil de Florianópolis as estruturas que irão auxiliar na triagem de pacientes e atendimento dos casos mais brandos, aqueles com classificação verde e azul. Os pacientes das demais classificações serão encaminhados para os atendimentos na emergência. O prédio da unidade não comporta mais ampliações. A estrutura provisória deve entrar em funcionamento ainda neste final de semana.

    Cidades