18.2 C
Itapema
segunda-feira, maio 27, 2024
mais
    InícioSanta CatarinaColuna Pelo EstadoPelo Estado 31/10: Investimento na BR-282, na Grande Florianópolis

    Pelo Estado 31/10: Investimento na BR-282, na Grande Florianópolis

    Em:

    Em Destaque

    Pelo Estado 24/05: Portos catarinenses em transição

    Na última semana, publicamos aqui na Coluna que a...

    Pelo Estado 23/05: Impasse sobre barragem chega à ministra Guajajara

    A ministra dos Povos Indígenas, Sônia Guajajara, e o...

    Foram lançadas nesta segunda-feira, 30, duas licitações para a ampliação da BR-282 na Grande Florianópolis. Conforme o DNIT, as medidas fazem parte de um pacote de novos projetos de melhoria da infraestrutura da principal ligação do Oeste com o Litoral catarinense. A primeira licitação será para contratar uma empresa especializada para elaborar um anteprojeto de terceiras faixas na BR-282 entre o km 23, em Palhoça, e o km 103, em Alfredo Wagner, abrangendo também os municípios de Santo Amaro da Imperatriz, Águas Mornas e Rancho Queimado.

    Serão construídas 12 terceiras faixas, com o total de 15km de extensão, que servirão como pontos de ultrapassagem, sendo quatro no sentido Florianópolis – da serra para o litoral – e oito no sentido Lages –  subindo, para o interior. O valor da obra está em R$ 1,7 milhão.

    A ideia do projeto é dar mais segurança para os motoristas, já que existem poucos pontos de ultrapassagem nas rodovias e os veículos acabam realizando as manobras de forma irregular.

    Tem ainda uma segunda licitação que prevê a construção de um viaduto na entrada de Rancho Queimado, trecho bastante crítico também. Avaliada em R$ 18,8 milhões, essa nova passagem, com interseção em dois níveis, separará o trânsito da BR-282 do tráfego local do município.

    Outros investimentos nas rodovias de Santa Catarina já haviam sido previstos no último mês, quando os deputados da Bancada do Oeste se reuniram com o superintendente do Departamento Nacional de Infraestrutura Terrestre (DNIT) em Santa Catarina, Vissilar Pretto, para tratar do planejamento das obras.

    No mesmo mês de setembro, o DNIT também lançou as licitações de dois projetos também para ampliação da BR-282: um para a duplicação da rodovia entre Lages e São Miguel do Oeste, numa extensão de mais de 400 km; e outra para um contorno viário em Santo Amaro da Imperatriz, retirando o traçado da rodovia de dentro do município e criando uma nova rota, já duplicada, para ligar a BR-101 e a BR-282, resultado das articulações dos deputados Carlos Chiodini (MDB) e Valdir Cobalchini (MDB) com o Ministério dos Transportes.

    Comitiva Catarinense no Panamá

    bd360cf1b9a1ece0588c1a5425c459c1407be8f8
    Foto: Divulgação

    A comitiva liderada pelo governador Jorginho Mello (PL) que foi ao Panamá, na última semana, tratou de novas oportunidades de negócios com o embaixador Brasileiro no país, Carlos Henrique Moojen de Abreu e Silva. A conversa girou em torno de pontes comerciais e a importância que estas ligações com Santa Catarina podem representar, tendo em vista a localização estratégica do Panamá no cenário da logística internacional e a diversidade econômica do Estado.Além disso, trataram ainda sobre a necessidade de parcerias em projetos importantes para o Estado no sentido buscar investimento estrangeiro para obras estruturantes, como ferrovias, pontes e armazenamento de grãos. Para o governador Jorginho Mello a principal dificuldade a ser vencida para que estas parcerias sejam firmadas é o fato de que o estado ainda é pouco conhecido no cenário internacional. Já o deputado estadual Fabiano da Luz (PT), acredita que o encontro foi uma oportunidade de mostrar Santa Catarina para outras regiões do continente, abrindo novas relações comerciais.

    Julgamento de Seif

    Relatora do pedido de cassação do senador Jorge Seif (PL) por abuso de poder econômico nas eleições de 2022, a desembargadora Maria do Rocio Luz Santa Ritta votou contra a condenação do senador. Além dela, também votou contra a cassação de Seif o juiz eleitoral Otávio José Minatto. O julgamento foi suspenso após pedidos de vista coletivos dos demais integrantes da corte eleitoral estadual e será retomado na sessão de 7 de novembro.

    Posse 

    Mario Cezar de Aguiar, presidente da Federação das Indústrias de Santa Catarina (FIESC), assume em cerimônia nesta terça-feira (31), em Brasília, mandato como vice-presidente da Confederação Nacional da Indústria (CNI). Aguiar integra a diretoria eleita para o período 2023-2027, que tem como presidente o também industrial Ricardo Alban. O 1° vice-presidente da FIESC, Gilberto Seleme, também será empossado na cerimônia, assumindo o cargo de diretor da CNI.

    Inflação 2023

    O mercado financeiro segue revendo para baixo suas previsões de inflação para 2023. Segundo o Boletim Focus divulgado pelo Banco Central nesta segunda-feira (30), a estimativa é que o IPCA chegue ao fim do ano com um acumulado de 4,63%. Há quatro semanas, a previsão era de 4,86%, e desde então a estimativa vem sendo reduzida.

    A última estimativa para este ano está na margem superior da meta de inflação que deve ser perseguida pelo BC.

    Esgoto em Santa Catarina

    Segundo projeção do Instituto Trata Brasil, Santa Catarina deixa de ganhar R$ 14,8 bi anuais ao não universalizar o tratamento de esgoto. O dado foi divulgado durante o Fórum Brasil ODS 2023, realizado na última semana, na Assembleia Legislativa. Em Santa Catarina, conforme dados de 2021, 98,4% da população têm acesso à água, enquanto apenas 32% têm acesso à coleta e tratamento de esgoto. De acordo com informações divulgadas pelo Trata Brasil, o Estado despeja por dia 300 piscinas olímpicas de esgoto sem tratamento nos rios e no mar.

    > Clique aqui para ver a coluna Pelo Estado PE_31.10.2023

    Produção e edição
    Por Celina Sales para APJ/SC e ADI/SC
    Contato: peloestado@gmail.com

    Cidades