23.5 C
Itapema
segunda-feira, abril 22, 2024
mais
    InícioCidadesItapemaEscola Educar, vencedora do projeto Óleo Solidário, recebe computador doado pela Conasa...

    Escola Educar, vencedora do projeto Óleo Solidário, recebe computador doado pela Conasa Águas de Itapema e parceiros

    Em:

    Em Destaque

    Pelo Estado 19/04: Arteris Litoral Sul pode perder a concessão em SC

    O Ministro dos Transportes, Renan Filho, esteve nesta quinta-feira,...

    Pelo Estado 18/04: E a saúde em Santa Catarina, como vai?

    Após um convite dos parlamentares catarinenses, a secretária de...

    Turma 904 do 9º ano da Educar foi a vencedora do ranking que arrecadou litros de óleo de cozinha para reciclagem

    conasa
    Representantes da Apae, Conasa Águas de Itapema e Faaci realizam a entrega do computador à Escola Educar representada pela diretora Tânia Grabovski e professores do 9º ano
    A Escola Municipal de Ensino Básica Educar recebeu, nesta terça-feira (5), um computador para uso pedagógico doado pela Conasa Águas de Itapema e parceiros do projeto Óleo Solidário. A instituição foi a vencedora do ranking que estimulou alunos do 9º ano das escolas municipais Educar, Maria Linhares e Bento Elói a arrecadarem o maior número de litros de óleo de cozinha para reciclagem, com a renda aferida doada à Apae de Itapema.
    O projeto foi realizado no segundo semestre do ano passado e mobilizou cerca de 500 estudantes. Ao total foram reciclados 905 litros de óleo, evitando o descarte incorreto no esgoto ou no meio ambiente. O projeto envolveu além da Conasa Águas de Itapema, a Facci (Fundação Ambiental Água Costeira de Itapema), o Rotary Club Itapema Costa Verdes Mares, a Secretaria Municipal de Educação e a Apae de Itapema, e estimulou os estudantes a mobilizarem famílias e comunidades na correta separação do resíduo.
    O descarte incorreto do óleo de cozinha na rede coletora causa problemas para o sistema de tratamento de esgoto, contaminação de solos, rios, lagos e oceanos. Estima-se que um litro de óleo pode contaminar até 25 mil litros de água.
    A diretora da Educar, Tânia Grabovski, ressaltou que o ranking proporcionou uma forma prazerosa de aprendizado sobre a educação ambiental. “O engajamento dos alunos, professores, equipe pedagógica, famílias e comércio em geral foi muito bom, e poder ajudar uma instituição como a Apae foi igualmente gratificante. Os alunos tiveram um grande aprendizado. O recebimento do computador como premiação final nos ajudará a melhorar ainda mais o desempenho pedagógico na unidade escolar”, afirmou.
    A retirada dos litros de óleo das escolas foi realizada pela equipe do Rotary Club Itapema Costa Verdes Mares e direcionada a uma indústria que utiliza o resíduo para fabricação de biodiesel, glicerina e produtos de limpeza. O projeto Óleo Solidário terá continuidade em 2024.

    Cidades