21.3 C
Itapema
segunda-feira, abril 22, 2024
mais
    InícioCidadesItapemaPolícia Civil de Itapema procura estelionatário foragido da justiça

    Polícia Civil de Itapema procura estelionatário foragido da justiça

    Em:

    Em Destaque

    Pelo Estado 19/04: Arteris Litoral Sul pode perder a concessão em SC

    O Ministro dos Transportes, Renan Filho, esteve nesta quinta-feira,...

    Pelo Estado 18/04: E a saúde em Santa Catarina, como vai?

    Após um convite dos parlamentares catarinenses, a secretária de...

    A Polícia Civil do Estado de Santa Catarina, por meio da Delegacia de Itapema, em novembro de 2023, instaurou inquérito policial em desfavor de SIDNEI GERVASI, por ter cometido diversos crimes de estelionato na cidade de Itapema ao longo de 2023.
    Conforme consta na investigação policial, SIDNEI GERVASI, proprietário de uma agência de turismo, enganou diversas pessoas, através de simulações fraudulentas na venda de pacotes de viagens e passagens aéreas. Após enganar várias vítimas, de forma premeditada, sem prévia comunicação, SIDNEI GERVASI fechou a agência de turismo e fugiu para local incerto.
    Em relação a esse fato, SIDNEI GERVASI foi indiciado pela Polícia Civil e denunciado pelo Ministério Público, havendo 23 vítimas diferentes do crime de estelionato, totalizando um prejuízo de mais de R$ 300.000,00 (trezentos mil reais). Vale salientar que há mais vítimas do infrator, contudo elas não compareceram à Delegacia de Polícia para registro de ocorrência e prestação de declarações.

    Durante as investigações, veio à tona o fato de SIDNEI GERVASI ter negociado dólares por meio de sua agência de turismo, sem autorização do Banco Central do Brasil, incorrendo em crime contra o sistema financeiro nacional, de competência da Justiça Federal, motivo pelo qual houve comunicação do Ministério Público Federal por meio do Ministério Público Estadual.
    Levando em consideração que SIDNEI GERVASI fugiu do Brasil para se esquivar da responsabilidade civil e criminal de seus atos, foi oferecida Representação pela decretação da prisão preventiva e, após a manifestação favorável do Ministério Público, o Poder Judiciário deferiu a medida. Assim, no presente momento, SIDNEI GERVASI encontra-se na condição de foragido.
    Desse modo, solicita-se auxílio à população com a finalidade de obtermos informações acerca da localização atual de SIDNEI GERVASI, podendo ser encaminhada mensagem através do número 48-98844.0011, ou por meio de denúncia ao Disque Denúncia 181, sendo garantido o anonimato.

    Imagem do WhatsApp de 2024 03 12 as 17.49.22 5a04f6bc

    Foto cedida pela Polícia Civil

    Cidades