Cadê nossas rescisões?

1070
Compartilhar

Impasse na saúde

Ex-funcionários do Hospital Santo Antônio de Itapema continuam sem receber

Uma cena lamentável vem ocorrendo no nosso município. Ex-funcionários da unidade hospital estão sem receber o “acerto” e não conseguem ter acesso ao seguro desemprego. Um verdadeiro perrengue!

Da redação

A área da saúde é uma das mais importantes em governo. Seja na esfera municipal, estadual ou federal e deveria ter prioridade em qualquer gestão. Porém, uma cena lamentável vem ocorrendo em Itapema.

Ex-funcionários da unidade hospital localizada no bairro Várzea estão sem receber o “acerto” e não conseguem ter acesso ao seguro desemprego. Um verdadeiro perrengue!


O tema não é novo, o vereador Tanaka (PDT) fez o uso da Tribuna Parlamentar na última sessão (23), para expor a situação. De acordo com o parlamentar, os funcionários estão passando por um verdadeiro martírio e tendo os seus direitos violados.

A polêmica

O Instituto de Desenvolvimento, Ensino e Assistência à Saúde – IDEAS, assumiu a gestão hospitalar de Itapema em abril de 2017. Em outubro de 2018, o governo municipal, após detectar supostas irregularidades decretou (Decreto Municipal 158/2018), a intervenção da administrativa-financeira da unidade de saúde. Depois que foi rompido oficialmente o contrato com o IDEAS, os trabalhadores começaram a ter medo de não terem seus direitos assegurados. Muitos colaboradores foram absorvidos ainda durante a intervenção e permaneceram até a nova gestão que ficou a cargo do Instituto Santé, tanto que até no mês passado foi realizado uma audiência pública.

Durante a sessão da Câmara desta semana, Tanaka leu em tribuna das duas respostas que obteve das partes. Em relação ao IDEAS, o vereado disse que o instituto não tem dinheiro para fazer os acertos, uma vez que a prefeitura teria deixado de fazer os últimos repasses. Já a resposta da prefeitura, de acordo com Tanaka, a responsabilidade seria do IDEAS. O parlamentar ainda ressaltou que houve denúncias de que médicos teriam recebido as rescisões.

Contraponto

Nossa reportagem entrou em contato com o IDEAS, mas sem sucesso, até o fechamento desta edição. A prefeitura de Itapema também não havia se pronunciado a respeito