Coluna Helle Borges 07/08/2019

448
Compartilhar


Ponto para Moisés 1

É pública e notória a mudança de rotina no Centro Administrativo do Governo de Santa Catarina. Desde que assumiu o mandato o Governador Carlos Moisés mudou radicalmente a forma como o Poder Executivo se relaciona com políticos com ou sem mandatos, empresários, agentes públicos e lobistas. Em governos anteriores esse tipo de personagem era figura comum e constante e tinha espaço prioritário na agenda dos governadores. Apitavam e ditavam não só as regras da relação entre governo e sociedade, mas principalmente tocavam a pauta do Governador elencando suas prioridades particulares em detrimento dos interesses da coletividade. Moisés, fiel às suas convicções, tem se mostrado muito reservado em relação a esses encontros. Não recebe lobistas e tem assumido protagonismo na construção de sua agenda. Normalmente é ele quem toma a iniciativa de elencar seus encontros, tendo como horizonte construir pautas prioritárias para o governo. Muita gente da famosa “velha política” tem reclamado pelos corredores da política estadual. É um caminho sem volta. Quem anda feliz com a nova rotina administrativa do Estado é o corpo técnico e o secretariado da casa que se sente cada vez mais prestigiado em ter reuniões regulares com o governador. O resultado efetivo dessa prática é que o governo tem patinado cada vez menos na burocracia, tem economizado de forma substancial e aos poucos e sem alarde resgata as finanças do Estado aumentando o potencial de investimento das secretarias. É ponto para Moisés.

Ponto para Moisés 2

Construir uma relação de cordialidade e acima de tudo de respeito com a Assembleia Legislativa do Estado de Santa Catarina nem sempre foi algo fácil. Sob a batuta da guerra eterna de situação e oposição em muitos momentos o Estado era deixado absolutamente de lado. O que é bom ou ruim se perdia na picuinha da disputa vaidosa entre os vários agentes públicos. Nesse primeiro ano de mandato tem chamado a atenção a relação profícua e estável criada entre o Governador Carlos Moisés e os Deputados Estaduais. Acima das divergências políticas e ideológicas tem reinado o interesse sobre as reformas e melhorias que Santa Catarina precisa. Moisés, mesmo nas derrotas, não assume tom alarmista ou vingativo e a ALESC mostra grande sinal de amadurecimento em discutir méritos técnicos dos projetos apresentados e não simplesmente, fisiologismo político-partidário. É ponto para Moisés.

Paulinha
A Deputada Paulinha (PDT) inaugurou seu novo escritório regional em Itapema no último dia 03 de agosto. A iniciativa contempla uma aproximação com a região que foi primordial na sua brilhante votação de 2018. Dona de um traquejo político impressionante e com forte apelo carismático a Deputada é peça chave nas eleições municipais de 2020. Seu envolvimento direto ou indireto na política de municípios como Bombinhas, Porto Belo, Tijucas e Itapema é dado como certo e catapulta Paulinha a uma posição de protagonismo político e destaque na região. Nesse cenário e mesmo há pouco mais de um ano das eleições as peças políticas desses municípios iniciaram suas movimentações. Paulinha sabe que não é hora de declarar apoio a ninguém, mas também tem a convicção de que daqui pra frente será ainda mais “cortejada”. E 2020 já começou…

O Arsenal da Prefeita
Muitas frentes de trabalho e uma verdadeira obsessão por resultados. É assim que Nilza Simas, prefeita de Itapema, inicia o segundo semestre de 2019. Na saúde: o novo hospital e a retomada da construção de UBS; na Educação: lousas digitais, laboratórios de robótica, avanços no fila única e construção de creches; nos bairros: revitalização de ruas, asfalto novo, obras de saneamento e infraestrutura; No Turismo: a Licitação do Pier turístico de Itapema, na segurança: a criação da guarda municipal e a convocação de novos concursados para o Departamento de trânsito e por aí, vai. Certamente 2020 não será diferente e estar em um palanque diferente do da prefeita será uma tarefa inglória.

Desmama Itapema
Um projeto de iniciativa popular vem chamando a atenção na cidade de Itapema. É o DESMAMA Itapema. O projeto de autoria do Cidadão Guilherme Ângelo propõe a redução do salário de Prefeito, Vice-Prefeito e Vereadores do Município. Projetos dessa natureza tem sido destaques no Brasil nos últimos anos. Em que pese a grandeza da ação foram poucos os municípios que conseguiram aprovar iniciativas semelhantes. Guilherme continua sua luta e busca recolher o máximo de assinaturas para entregar o projeto Câmara.