Duas catarinenses acusam João de Deus de abusos sexuais

357
Compartilhar

O caso do médium João Teixeira de Faria, conhecido como João de Deus ganhou repercussão nacional após mais de 300 mulheres do Brasil todo o denunciarem por abusos sexuais.

Agora, no meio da onda de denúncias, duas mulheres de Santa Catarina procuraram a delegacia de São Miguel do Oeste para revelar os abusos que sofreram do médium.

Elas teriam sido vítimas de abuso sexual em viagem na cidade de Abadiânia, em Goiás. Suas identidades e cidades não foram reveladas. A Delegacia de São Miguel do Oeste atende outros 27 municípios próximos. Ambos os boletins de ocorrência das novas denúncias foram encaminhados eletronicamente para a Polícia Civil de Goiás, responsável pelas investigações.  João de Deus se entregou para a polícia neste domingo (16) e foi preso preventivamente.

Com informações de NSC Notícias