Mar de lixo…

627
Compartilhar

Problemas de temporada

 

Todo verão é a mesma coisa: praia lotada, “turistada” pela cidade. Se por um lado, a alta temporada representa um incremento na economia local, por outro, problemas estruturais acabam se repetindo anualmente devido à falta de infraestrutura para receber tanta gente.

 

Cleyton Amaral

 

Um destes reflexos negativos da superlotação da cidade, é a quantidade de lixo acumulado em nossa orla. Esta semana, esta problemática foi denunciada pelo vereador da cidade Yagan Dadam (PL), em sua rede social. As imagens falam por si só. Lixeiras abarrotadas na orla do bairro Meia Praia. A cena não agrada nem turistas e moradores, mas costuma ser comum em nossa cidade, especialmente na temporada.

O turista Nelson Teles, que frequento Itapema há anos falou à reportagem “Sempre ouvi dizerem que queriam transformar a cidade em uma segunda Balneário Camboriú, mais nunca ouvi dizerem que para isso precisa infraestrutura adequada para tudo. Itapema está recebendo cada ano mais turistas, mas não se vê falar em investimentos para tal, um dos exemplos é as saídas do município, está um caos, só existe a avenida Nereu Ramos e a segunda avenida, onde não existe alternativa para sair para a BR 101, é uma vergonha. Ia me esquecendo, já recebi o IPTU de minha propriedade que é um roubo, sem contar taxa de ambiental entre outras, vamos acordar gestores, vamos aplicar nosso dinheiro onde é preciso”, expressa o turista que possui residência na cidade e veraneia anualmente.

Já a moradora, Flávia Montibeller, relata que os turistas gostam de reclamar de virose, mas na hora de descartar o lixo em local adequado dificilmente o fazem. “Ontem pela manhã caminhando na orla vi vários decks cheios de garrafas de cervejas vazias, pela metade, e viradas escorrendo líquido pela areia. E vários lixos ao redor vazios. Durante o ano dificilmente presenciamos alguma cena deste tipo”, conta.

Cobrança

O vereador Yagan (PL) solicitou, por meio do Ofício 002/2020 que Executivo acione a empresa responsável venha ampliar a frequência de coleta do lixo no Parque Calçadão bem como a instalação de recipientes para recolhimento de cocos.

 

Concessionária

A Ambiental Limpeza Urbana e Saneamento, responsável pelo recolhimento do lixo na cidade, não respondeu os questionamentos da reportagem até o final desta edição.

 

Fala, povo!!

 

Pedro Piloto – Tenho um casal de filhos, nora e amigos que moram em Itapema. Estou propenso a morar aí também. Daí pergunto: e o que esses vereadores estão fazendo para melhorar essa situação, pois é dever DELES …por isso são pagos pelos impostos arrecadados.

Clelia Oliveira Carvalho – Muitos trabalham e ganham seu sustento com os turistas, vejo pessoas reclamando de dois turistas, mas gente eu vejo mais moradores locais tocando sujeira na rua do que os turistas, as prefeituras devem cobrar dos comércios mais lixeiras.

Márcia Bettin – Gente está faltando lixeira porque a praia melhorou bastante, moro aqui há mais de 15 anos, o lixo só está no chão porque a lixeira da cheia. Prefeita mostra o teu bom desempenho para que gosta de reclamar de tudo.

Telma Ferraz – Só não economizar nas lixeiras, está na cara que a maioria procura lixeiras para pôr o lixo dentro, as lixeiras não suportam pelo tamanho é simples só fazer lixeiras compatíveis com a quantidade de pessoas turistas q a cidade recebe BC não está diferente, o povo só reclama, mas o dinheiro dos turistas é bom né.