Morador sem documento “agoniza” em frente à prefeitura de Itapema

339
Compartilhar

Abandono

Ele passou a noite da última terça-feira, dia 29, em frente ao Paço Municipal sozinho e com muita fome. Segundo informações, o cidadão teria sido agredido teria problemas mentais, além de ser mudo. Graças ao esforço de comerciantes e moradores, a história teve um final feliz.

Moradores e comerciantes do bairro Centro, em Itapema, se sensibilizaram com a situação de um cidadão que estava sem documento e passava por necessidades na rua. De acordo com o relato de uma empresária em sua rede social. “Estamos incansavelmente tentando achar uma forma de encontrar a sua família. Ele estava desesperado não tinha nenhum documento. Ele ficou aqui na avenida Nereu Ramos em frente à prefeitura municipal. Entramos em contato com Bombeiros, polícia e ninguém ajuda…”, desabafou.

Atestado do hospital

De acordo com as informações, o homem tinha um atestado do hospital Santo Antônio, constando que foi agredido na cabeça e no braço. Ele ficou em um banco sentado ao lado da Costa Azul Calçados quase em frente à Prefeitura. Conforme comerciantes, o homem estava no local desde o último dia 25. “Ele estava agoniado, achando que o pai dele viria pegar ele, ficou torrando no sol ontem a tarde inteira”, relata a comerciante em tom de tristeza

Sem abrigo

Itapema não conta com um abrigo ou casa de passagem para recolher, inicialmente, estas pessoas.

Família o encontrou

A família já foi localizada depois que o post inicial viralizou nas redes sociais, agradecemos a todos, especialmente os comerciantes arredores da prefeitura que não mediram esforços até encontrar um final feliz para o caso.

O que diz a prefeitura

A Secretaria de Assistência Social acompanhou o caso desde a tarde da última terça-feira (29/01) realizando várias abordagens com diferentes profissionais (intérprete de libras) sem sucesso. Na manhã desta quarta-feira (30/01) a equipe de abordagem social esteve novamente no local acompanhando toda a situação quando um familiar veio até o local para levar o senhor de volta ao convívio da família.

Foto: Facebook/divulgação