Moradores de SC recebem sementes misteriosas da China

278
Compartilhar

Mistério

Cidasc orienta que população não abra embalagens e acione o órgão

Moradores de Santa Catarina estão recebendo pacotes com sementes da China. Por conta desse envio misterioso e sem saber qual procedência desses produtos clandestinos, os quais podem até disseminar pragas e doenças, a Cidasc (Companhia Integrada de Desenvolvimento Agrícola de Santa Catarina), orienta que a população não abra esse tipo de encomenda. Além disso, é importante acionar o órgão urgentemente.

“Temos que destruir essas sementes que estão sendo recebidas, pois podem afetar lavouras e principalmente a saúde do ser humano, pois não sabemos a procedência. São sementes, como por exemplo, de girassol, de citrus e até de eucalipto, por isso é importantíssimo que a pessoa que receber essa encomenda não abra e nos comunique”, comenta a presidente.

Apesar de parecerem inofensivas, as sementes clandestinas podem estar contaminadas, disseminar pragas e doenças e, assim, causarem sérios prejuízos econômicos e danos do ponto de vista da defesa sanitária vegetal.

O MAPA (Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento) — órgão que fiscaliza a entrada de material de multiplicação vegetal sem importação autorizada no Brasil — também fez um alerta para que a população tenha cuidado e não abra os pacotes e encomendas sem o devido conhecimento.

 1º relato em SC

O primeiro caso de recebimento deste tipo de embalagem em Santa Catarina foi registrado em Jaraguá do Sul, no Norte do Estado. A pessoa realizou a compra de um objeto de decoração pela internet e ao receber a encomenda, recebeu também outro pacote contendo duas embalagens com as sementes.

Fonte: ND+