Porto Belo amplia campanha de vacinação contra a Febre Amarela

490
Compartilhar

O Município de Porto Belo através da Secretaria de Saúde deu início na última segunda-feira (03) à campanha pela vacinação contra a Febre Amarela. O período de vacinação foi retomado devido a chegada da temporada de verão e a quantidade de turistas vindos de regiões com epidemias.

A dose única é indicada para crianças de nove meses até pessoas de 59 anos, que devem comparecer a uma Unidade Básica de Saúde com a carteira de vacina em mãos. Para quem está com esta vacina em dia, o procedimento não é necessário.

Porto Belo não possui casos da Febre Amarela atualmente, porém, a chegada do verão e a existência de regiões com epidemias no país, como os estados do Sudeste, a doença poderá se expandir, colocando Santa Catarina na possível rota de estados afetados. A única forma de prevenção é a vacina.

A coordenadora de vigilância epidemiológica Patrícia de Araújo destaca a importância da vacinação, visto que muitas famílias são compostas por pessoas que trabalham diretamente com os turistas. “A única forma de Santa Catarina estar protegida da febre amarela é fazer com que o maior número possível de pessoas tomem a vacina. Precisamos estar conscientes da necessidade e da importância deste ato de prevenção e incentivar nossos familiares e colegas a procurar uma Unidade de Saúde” – destaca.

Existem contraindicaçãoes para gestantes, mulheres que amamentam crianças menores de seis meses (suspender o aleitamento materno por 10 dias após a vacinação) e pessoas acima de 60 anos. Também existem restrições aos seguintes quadros: histórico de reação anafilática a ovo de galinha e derivados; imunodepressão permanente ou transitória, induzida por doenças (neoplasias, AIDS, infecção pelo HIV com comprometimento da imunidade), ou por tratamento (drogas imunossupressoras por mais de duas semanas, radioterapia); indivíduos com doenças de etiologia potencialmente autoimune e pacientes com doença neurológica de natureza desmielinizante; e pacientes transplantados de células tronco hematopoiéticas (medula óssea).

As vacinas estão disponíveis nas Unidades com sala de vacinação. O frasco da vacina é multidose, então, para que não haja desperdício, estará sendo disponibilizada cada dia em uma Unidade diferente. Confira o cronograma:

As salas de vacinas que estarão realizando a vacinação seguem um cronograma, pois o frasco é multidose, então para que não haja desperdício de vacinas cada dia será disponibilizada em uma das salas, confira abaixo a relação dos dias:

Segunda-feira: Unidade de Saúde Virginia Tomazoni (Alto Perequê)

Terça-feira: Unidade de Saúde Varlinda Neckel de Souza (Jardim Dourado)

Quarta-feira: Unidade de Saúde Virginia Tomazoni (Alto Perequê)

Quinta-Feira: Unidade Central Maurílio Manoel da Silva (Centro)

Sexta-Feira: Unidade de Saúde Varlinda Neckel de Souza (Jardim Dourado)

Foto: Ilustrativa