Professora itapemense cobra pontos gratuitos de wi-fi para alunos carentes

1282
Compartilhar

Exclusão a distancia

Por meio de uma petição online, que já conta com mais de 170 assinaturas, a professora da rede estadual, Simone A. da Silva, solicita ao poder público que disponibilize pontos de internet gratuita para que alunos do município possam ter acesso às vídeo-aulas e atividades. Veja como você pode assinar e contribuir com a ação.

Cleyton Amaral

Uma campanha criada pela professora de matemática e física da rede estadual visa tentar garantir o acesso adequado à internet, durante a pandemia de coronavírus. A educadora Simone A. da Silva, que leciona na Escola Estadual Anita Garibaldi, na Meia Praia, relata que está com dificuldades de interação com alunos, devido à falta de internet por parte de seus alunos. “Sou professora do ensino médio, muitos dos estudantes não têm wi-fi em casa, somente dados móveis, como leciono matemática e física, que são disciplinas que precisam de uma explicação mais precisa, para sanar dúvidas, os alunos estão saindo prejudicados. Nós pais, alunos e professores seguimos frustrados com a quantidade de alunos que estão deixando de aprender por falta de acesso à internet. Viemos por meio desse abaixo-assinado pedir que o poder público providencie pontos de acesso à internet gratuita, principalmente nos bairros menos favorecidos da nossa cidade”, conta com decepção.

Pensando nos alunos, a professora criou uma petição online, uma espécie de abaixo-assinado virtual, que até a última sexta-feira já tinha 179 assinaturas, cobrando providência por parte dos órgãos de educação, especialmente a secretaria de educação municipal.

A intenção é que a prefeitura disponibilize ônibus escolares com sinal de internet em comunidades carentes, para que nestes alunos, mais fragilizados, possam ter acesso às atividades. Atualmente, as escolas disponibilizam apostilas impressas, que são retiradas na unidade escolar, mas como a professora mesmo enfatizou, tem determinadas disciplinas que é necessária uma interação professor-aluno.

Link para assinar

Você pode acessar e yambém assinar a petição online através do link

https://secure.avaaz.org/community_petitions/po/prefeita_nilza_simas_aula_on_line_sem_internet/?zDyfWqb

Secretaria de educação

Nossa reportagem entrou em contato com a secretaria municipal de Educação, que informou que irá estudar a possibilidade, mas não deu nenhuma data. Enquanto isso, muitos estudantes itapemenses estão sendo prejudicados.

Olho

Nós pais, alunos e professores seguimos frustrados com a quantidade de alunos que estão deixando de aprender por falta de acesso à internet. Viemos por meio desse abaixo-assinado pedir que o poder público providencie pontos de acesso à internet gratuita, principalmente nos bairros menos favorecidos da nossa cidade.

Simone A. da Silva, professora de matemática e física