Reunião pública discute transporte coletivo em Balneário Camboriú

366
Compartilhar

Dezenas de moradores de Balneário Camboriú e Camboriú compareceram ao plenário Vereador Walter Eilers do Legislativo, na noite da última quinta-feira (28), para uma reunião pública sobre o transporte coletivo em Balneário Camboriú, organizada pelo gabinete do vereador Aldemar Pereira/Bola (PSDB).

O evento teve a mesa de trabalho composta pelo presidente da Câmara de Vereadores de Balneário Camboriú, Omar Tomalih (PSB); pelo vereador de Camboriú John Lenon Teodoro (PSDB); pelo gerente de apoio operacional, gerente hidroviário e presidente das comissões de licitação e política tarifária do Departamento de Transportes e Terminais de Santa Catarina (DETER), Luiz Carlos Faísca; pelo diretor-geral da Secretaria de Segurança de Balneário Camboriú, Daniel Moreno Ferreira da Silva; pelo sócio proprietário da Viação Praiana, Rafael Werner Seára; pelo assessor técnico da empresa Expressul, Ronaldo Gilberto de Oliveira; e pelo presidente da Comissão de Transporte e Mobilidade Urbana da Subseção de Balneário Camboriú da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-BC), Eloar Antônio Lenzi.

O vereador Bola fez a abertura da reunião e, logo após, passou a palavra ao público. Falaram representantes de diversos bairros de Balneário Camboriú e Camboriú, dos idosos, dos estudantes da Universidade do Estado de Santa Catarina (Udesc) e do Instituto Federal Catarinense (IFC), e de conselhos municipais, entre outros, que relataram os problemas enfrentados como usuários do transporte público, fizeram questionamentos e deram sugestões de melhorias. Em seguida, fizeram uso da palavra alguns dos vereadores presentes e os integrantes da mesa.

 

Criação de Comissão Parlamentar Especial

Aldemar Pereira/Bola considerou o resultado da reunião positivo, com uma participação muito qualificada do público, mas ressaltou que houve uma disparidade nas respostas dadas pelas empresas de transporte público: “A Praiana apresentou várias soluções, como a aquisição de três novos ônibus que iniciarão as operações em abril e o fim do limite de horário para usar a passagem de estudante. A Expressul, por outro lado, nos deixou decepcionados. O representante enviado pela empresa à reunião não respondeu às perguntas da plateia, e não apresentou soluções aos problemas expostos”.

A partir desse resultado, segundo o vereador, ele proporá a criação de uma Comissão Parlamentar Especial para analisar a prestação de serviço da concessionária do transporte coletivo em Balneário Camboriú.

Além de Bola e Omar Tomalih, estiveram presentes à reunião os vereadores de Balneário Camboriú Arlindo Cruz (MDB), Asinil Medeiros (PR), Gelson Rodrigues (PSB), Leonardo Piruka (PP), Lucas Gotardo (PSB), Nilson Probst (MDB), Patrick Machado (PDT) e Pedro Francez (PR).