Santa Catarina é o estado com mais representantes no Transcatarina

62
Compartilhar

Já entre as cidades, Curitiba tem a maior delegação. Evento receberá representantes de 14 estados e 116 municípios brasileiros.

As inscrições para o 13º Transcatarina seguem abertas, porém, restam poucos dias para os indecisos se definirem. No próximo dia 26 de outubro, será aberto oficialmente um dos maiores encontros off-road do país, que tem como sede da largada a cidade de Fraiburgo. As inscrições podem ser feitas pelo site www.transcatarina.com.br.

A chegada ocorrerá em Tubarão, no dia 30 de outubro, depois de passar por Caçador, Lages e São Joaquim. As categorias são de competição (Máster, Graduados, Turismo, Turismo Iniciante e Turismo Light) e passeio (Passeio Expedition, Passeio Radical 01 e 02, Camping e Adventure 01, 02 e 03).

Entre os 265 veículos inscritos até o momento; o estado com maior número de representantes é Santa Catarina, com 229 pessoas. Porém, entre as cidades, o destaque fica para o estado vizinho, a capital paranaense, Curitiba, com 38 participantes.

É de Curitiba o piloto campeão de 2020 da categoria Turismo, Dirceu Salla que, neste ano, competirá ao lado do conterrâneo Ivan Roberto Laidens. “A expectativa para o Transcatarina é grande, ainda mais porque acelerarei na categoria Graduados, já que no ano passado fui campeão da Turismo. É uma enorme satisfação fazer parte deste time de competidores de Curitiba, que muito bem representa o Rally Paraná”, disse Salla que participará do Transcatarina pela quarta vez.

Entre os municípios catarinenses, Jaraguá do Sul desponta em primeiro lugar, com 27 representantes, seguido por Blumenau (25) e Florianópolis (20). Pela terceira vez consecutiva, o jaraguaense Marcelo Eduardo Bruch participará da categoria Passeio Radical 2, ao lado dos filhos, Jimmy e Mikaela Bruch. “Além da aventura, da emoção e da adrenalina que vivenciamos em cada trilha, compartilhamos de momentos singulares com as antigas e novas amizades que formamos ao longo de cada dia e, é exatamente isso, que nos faz retornar todos os anos”, falou Marcelo.