Unidos de Porto Belo faz homenagem à Suely Beduschi

451
Compartilhar

Folia


A Escola de Samba Unidos de Porto Belo entra mais uma vez na Avenida para animar o Carnaval na cidade, este ano, fazendo homenagem à artista plástica que escolheu Porto Belo para viver, Suely Beduschi.

Diretor de bateria da Escola de Samba, o percussionista Carlinhos Ribeiro destaca que é uma honra para todo o grupo fazer homenagem em vida à Suely, artista reconhecida internacionalmente.

“Nos faltam palavras para falar dessa grande artista que é a Suely, a decisão foi unânime por todos os integrantes da escola, ainda no Carnaval passado. É papel da escola fazer esse registro e nada melhor que homenagear ela em vida. Nós tratamos muito de sustentabilidade e a Suely é uma artista que muito antes de este tema estar em pauta já se preocupada com o destino e a produção de lixo, falava de reciclagem” – destaca Carlinhos.

A artista plástica homenageada nasceu e cresceu em Ibirama – SC. Seu pai tinha uma loja na cidade que era frequentada por índios e logo se apaixonou pela cultura indígena. Casou-se em 1968 e realizou no ano de 1972 a sua primeira exposição. Suely se divorciou em 1978 e escolheu a casa de veraneio em Porto Belo para morar, onde optou por se dedicar à arte. Realizou exposições individuais, em grupos de homenageadas, em concursos nacionais e internacionais e sempre foi defensora da natureza.

“Fazem 40 anos que eu moro em Porto Belo e agora eu ganho uma homenagem por todos esses anos. Enquanto muitas vezes Porto Belo dormia eu ia representá-la por toda a região e até internacionalmente. O meu trabalho na parte artesanal sempre foi afro-índio, então eu trago na minha arte esse espírito das tribos” – explica Suely.

Convite

A presidente da Fundação da Cultura Cristiani de Jesus convida toda a região para assistir o desfile, que acontece na sexta-feira (01) e destaca que a população tem a oportunidade de participar deste desfile através do concurso de blocos. “Convidamos as famílias de toda a região para participarem desta grande manifestação cultural que é o Carnaval. Teremos cinco noites de festa distribuídas em diferentes bairros e a participação da Escola de Samba, que anima o nosso desfile nesta sexta-feira, dia primeiro de fevereiro. Este ano teremos um carnaval ainda mais especial, que faz homenagem a grande artista Suely Beduschi e todos terão a oportunidade de conhecer esta mulher que esteve sempre à frente do seu tempo” – destaca a presidente.

A Escola de Samba Unidos de Porto Belo nasceu do sonho de Carlos Ribeiro, pai do diretor de bateria, de formar a primeira bateria de escola de samba da cidade. A escola de Samba é um grupo sem fins lucrativos, foi criada em 2015 e cresce a cada ano com apoio de empresários locais e do Governo Municipal através da Fundação da Cultura.