XEPA do povo e para o povo

180
Compartilhar

De vendedor de picolé a presidente do Poder Legislativo de Itapema. Lageano, mas um itapemense de coração e convicção. Alexandre Xepa é um cara do povo. O morador do Morretes sonha em um dia poder chegar à cadeira de prefeito e está trabalhando para isso. Com a maior votação da história, 1.312 votos de confiança, Xepa é o verdadeiro espelho do ‘imigrante’ que chega a Itapema em busca de uma melhor qualidade de vida e de oportunidades.

Tom Amaral

De vendedor de Picolé a vereador mais votado em Itapema. A trajetória de vida de Alexandre Xepa (Progressistas) não foi fácil. A caminhada, marcada por adversidades, é um exemplo de superação. O parlamentar traçou uma meta e trabalha firme para alcançá-la, sempre com o apoio da comunidade, que se vê refletida nele. Nossa reportagem conversou com o presidente da Casa do Povo sobre o desafio de comandar o Legislativo e os seis primeiros meses de mandato.

Perfil

Carlos Alexandre de Souza Ribeiro, conhecido como Alexandre XEPA, é natural de Lages e morador do Bairro Morretes há mais de 30 anos. Acadêmico de direito,  nasceu no dia 05 de Janeiro de 1985. Em seu primeiro mandato legislativo (2017 a 2020) pelo Partido Solidariedade- SD, Xepa trabalhou com o lema: “Novos rumos, novas ideias para Itapema, e um objetivo: aproximar a população ao Poder Legislativo para assim fazer uma nova forma de política”.

Dedicou seu primeiro mandato ao povo e especialmente o Bairro Morretes, sendo conhecido por estar sempre nas ruas conversando com as pessoas. Também atuou legislando por causas de prevenção e combate às drogas e à dependência química.
Em 2020, migrou para o partido Progressistas, e concorreu novamente ao cargo de vereador, e foi eleito com a maior votação para vereador da história de Itapema, conquistando 1.312 votos.

Aproximação

Primeiramente quero agradecer os 1.312 votos e todos os itapemenses que desejam uma cidade mais justa e igualitária. Tenham a certeza que estou e irei trabalhar arduamente para honrar o voto de confiança de cada um.

Bom, quando assumi o Poder Legislativo, uma das minhas iniciativas foi convidar os representantes das associações de moradores da cidade. Um convite formal foi direcionado para estas entidades, que são de grande importância no dia a dia do trabalho de vereador. A intenção foi ter uma real aproximação com as associações, que desenvolvem um papel intrínseco junto aos moradores. Muitas vezes é por lá que surgem as principais demandas das comunidades, sejam elas queixas, melhorias, necessidades e reivindicações. Conversei com todas e coloquei a Câmara à disposição integral das entidades, afinal somos a Casa do Povo.

450
Uma das principais demandas sociais de Itapema vem da comunidade da Rua 450. Não é de hoje que os moradores de lá sofrem com a falta de infraestrutura, uma reflexo de governos que simplesmente ignoram a comunidade. Sempre que há uma problema, um dos primeiros nomes que a comunidade clama é de Alexandre Xepa
“Tenho uma atenção especial com a comunidade, pois sei das dificuldades das famílias, sei da preocupação do pai de família, da mãe que trabalha e que deseja um futuro melhor para seus filhos. Meu sonho é ver toda aquela comunidade com dignidade que é merecida. Um povo trabalhador, e que por vezes sofre com a omissão. Porém, estamos trabalhando para que esta realidade mude. Um passo inicial já posso adiantar que é a implantação de 64 apartamentos sociais. Um trabalho desenvolvido a muitas mãos para que as famílias comecem a ter dignidade. Não é fácil morar num lugar sem ter saneamento, luz, água, mas com perseverança estamos trabalhando com o Executivo e outros orgãos para dar mais dignidade às famílias.

Trabalhos legislativos

Itapema sofre bastante com enxurradas, e por vezes, alagamentos, uma consequência de lixos nas ruas, especialmente de grandes entulhos. Pensando nisso, o parlamentar editou uma lei para que o Executivo destinasse o recolhimento destes materiais. A referida lei entrou em vigor, mas moradores reclamam que ela não foi posta em prática.  O presidente cobrou da prefeitura a efetividade da Lei, que se prontificou a realizar;
Por meio do Requerimento nº 86/2021, de autoria do vereador e presidente do Legislativo, cobrou da Prefeitura Municipal um relatório de internações do CAPS – Centro de Atenção Psicossocial, nos anos de 2020 e 2021.

Durante a sessão, ele disse que o Governo Municipal precisa resolver a questão da demora na internação de dependentes químicos e alcoólicos. “Muitas famílias que me procuraram me relataram que requerem a vaga para internação de seus filhos, mas que só tem vaga pra daqui uma semana. Só quem lida com um dependente sabe que uma semana é muito tempo e representa mais uma angústia, porque quando o dependente aceita se internar e isso não acontece, abre a chance de que ele volte a se drogar ou beber”, relatou Xepa.
Drogas e prevenção

Uma das bandeiras do vereador. A questão das drogas sempre esteve em sua pauta, desde o início do primeiro mandato. O último dia 26

“A droga é um mal que precisa ser combatida. Se o poder público não age, tenha certeza que o traficante sim. Por isso, venho a tempo trabalhando nesta questão de prevenção. Uma das ações foi o pedido para transformar as quadras das escolas municipais em ‘mini ginásios’. Sabemos que a falta de incentivo e a falta de espaços específicos acabam levando o jovem para o caminho errado. Por isso, deixar estes espaços abertos fora do horário escolar e nos finais de semana é fundamental e acabaria com a reclamação também de falta de horários no único ginásio da cidade”.

“O último sábado, 26, Dia Internacional da Luta Contra o Uso e Tráfico Ilícito de Drogas. Uma data importante para se discutir especialmente as políticas públicas voltadas a esta questão. Estou trabalhando para se criar um mês de consciência e de combate às drogas, pois recebo muitas demandas da comunidade. É triste para um pai e uma mãe ver o filho se afunda neste mal e não ter o suporte, a ajuda necessária. Neste projeto, tenho a intenção de fazer parcerias com clínicas e comunidades terapêuticas. Realizar palestras com profissionais específicos nas escolas. Sabemos que a pandemia agravou esta situação, meu gabinete e minha casa sempre estarão abertas para debater este tema e ajudar a comunidade.

Parlamentar encerrar com um recado importante pra você: seja refém só daquilo que te faz bem! Esporte, música, arte… escolha sua praia e DIGA NÃO ÀS DROGAS! Há muitas formas de se sentir bem de verdade, com a liberdade de não ser refém do vício!